PAGAMENTO JUSTO


Quando o dono do restaurante disse que o mendigo teria que pagar a fumaça da carne, Nasrudin pegou um saco de moedas de ouro, sacudiu-o perto da orelha do homem e perguntou:

– O que você está escutando?

– O tilintar das moedas.

– Muito bem, – disse Nasrudin – esse é o seu pagamento. O som das moedas é um ótimo pagamento para o cheiro da carne. Caso encerrado.

 

Retirado do livro “NASRUDIN” de Regina Machado
Editora Companhia das Letrinhas – 1994


 

 

VOLTAR PARA VER MAIS HISTÓRIAS >>>